segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Conheça o seu Pug. Temperamento do seu cão.

Oi Pessoal,

Já falamos sobre a origem da raça, sobre o padrão atual, falamos sobre as possíveis doenças e até sobre filmes onde eles participam. Agora chegou o momento, na minha opinião, considerado um dos mais importantes, pois é a hora de conhecer o seu Pug, saber de seus hábitos, comportamentos e personalidade.
É importante saber como irá se comportar a raça antes de traze-la para suas vidas, estes conhecimentos são importantes, pois o dono terá que compreender certas atitude do cão. A falta de informação, na maioria dos casos, trazem uma certa frustração do dono quanto ao animal, exige-se do cão as vezes o comportamento fora do perfil típico da raça e no final, a felicidade não é completa por ambas as partes.
Segue abaixo como o Pug vive e interage com as pessoas e veja se ele se enquadra no seu perfil.

Com a Família:
É um cão de companhia por excelência, o Pug é alegre e amoroso com todas as pessoas da casa. Como a maioria dos cães, tende a eleger um dono em especial. E faz o estilo grude. É de segui-lo pela casa inteira, de esperá-lo na porta do banheiro e dormir nos seus pés. Também solicita atenção e carinho. Volta e meia, se manifesta com pulinhos para ganhar um colo ou cafuné e adora aparecer com brinquedos na boca para que sua folia não seja solitária.  



Com cães e animais:
A vida em comunidade sempre envolve risco de conflito. Mas o Pug, normalmente, é bastante sociável e receptivo ao convívio com outros cães, ainda que do mesmo sexo, e também com a bicharada em geral, como gatos e aves. De vez em quando, pode até dar uma implicada com algum deles, mas nada que costume trazer conseqüências sérias.

Obediência:
Cheio de vontade própria, o Pug não faz o estilo obediente. Acatar comando ou ordens só se lhe for conveniente. Claro que, se os donos souberem educá-los com disciplina e liderança, podem até driblarem esse estilo teimoso de ser. Mas sucesso total e virtualmente impossível. Quando os exemplares da raça não estão a fim de fazer alguma coisa, simplesmente não fazem. Fingem-se de surdos e ponto final. O lado bom é que o Pug não é travesso e nem ativo demais. Por isso, raramente suas desobediências representam transtornos significativos.
Com pessoas fora de casa:
O Pug é muito amigável. Eventualmente pode até dar uns latidos quando chegam visitas desconhecidas em sua casa, mas é só. Depois, já vai logo abanando a cauda e festejando a pessoa. É simpático até com quem não deve.
 O quanto late:
Muito silencioso, o Pug late pouco e em raras ocasiões. Não é daqueles que necessariamente avisam quando toca a campainha ou quando entram visitas. Por isso, se a expectativa é adquirir um cão discreto, que não incomode a vizinhança com barulho, a raça tem tudo para agradar.
 Destrutividade:
Cães naturalmente bem-comportados são sempre bem-vindos e nem tão comuns assim. O Pug é um deles. Salvo na infância, quando qualquer cão precisa dar suas roidinhas aqui e ali. Os Pugs adultos raramente são apontados como destruidores de móveis e objetos dos donos. Também aprendem rapidamente a fazer necessidades no lugar certo.
Com crianças:
Paciente e afetuoso com a garotada o Pug é. Mas nem sempre tem pique para muita correria e confusão. Além disso, vale ressaltar que o seu porte, ainda que massudo, é pequeno, e seus olhos, proeminentes, muito vulnerável a trancos e impactos em geral. Por isso é melhor supervisionar a relação com crianças muito novas. Em geral, elas não têm a delicadeza necessária para lidar com a cachorrada.


Grau de atividade:
Raça de atividade moderada para baixo, o Pug tem seu momento diários de entusiasmo, quando gosta de correr e brincar. A maior parte do tempo, contudo, prefere ficar sossegado, cochilando ou observando o ambiente. Daí ser um excelente companheiro para passatempos tranqüilos como longas jornadas na frente da TV ou do computador. Mas não pense que ele se recusa a convites para atividades mais intensas. Isso nunca. Entretanto, como a sua respiração não é das melhores e ele é sujeito a Hipertemia, o dono deve poupá-lo de grandes atividades físicas, principalmente se o clima estiver quente. Definitivamente não se trata do cão ideal para aqueles que procuram um parceiro nos esportes.
 Inteligência:
Espertos e observadores, os Pugs vivem surpreendendo os donos. São daqueles que desaparecem ao menor sinal de que visitarão o veterinário ou ao ver os apetrechos do banho. Também aprendem com facilidade a abrir portas e são versáteis para bolar maneiras de resolver alguns probleminhas, como tirar brinquedos de baixo de móveis: Testam todas as frestas, tentam com as patas, com a boca e, por fim, se não conseguem, dão um jeito de chamar a atenção dos donos para que lhe resolvam a missão impossível.


Aposto que depois deste tópico vocês irão querer ter um.


Grande abraço!!!




77 comentários:

  1. Tenho um e ele realmente é assim como esta descrito aqui.Ele é um amorzinho.

    ResponderExcluir
  2. olá, ganhei uma pug ha 3 semanas. ela é mt ativa, amorosa, fofa e super pentelha. seu nome é Violleta. estou adorando. bj.

    ResponderExcluir
  3. @An�nimo

    Ótima compania, desejo toda felicidade pra vocês!!!Obrigado

    ResponderExcluir
  4. @An�nimo

    Parabéns!!! agora é só mater as vacinas, vermifugos em dia e dar muito carinho... Dê a ele muitos brinquedos, filhotes tem a mania de roer moveis... obrigado

    ResponderExcluir
  5. Que boas informações,adorei e fiquei mto feliz,pois comprei um pug e estou ansiosa esperando ele chegar,essa raça é mesmo fofa e muito charmosa.obgada!

    ResponderExcluir
  6. @Anônimo

    Obrigado pelo comentário, este retorno que nos motiva a seguir nesse trabalho prazeroso. Abraço

    ResponderExcluir
  7. Gente, comprei um pug que hoje está com 9 meses de idade e, há 5 meses, mora conosco em um apartamento. Realmente ele aprendeu rapidinho a fazer as necessidades no lugar certo, mas, desde que aprendeu a fazer xixi com a perninha levantada agora vive urinando pela casa.
    O pior: faz xixi em cima das camas, do sofá, nos pés dos móveis... sempre deixo de castigo, brigo, ele fica todo triste, mas, no dia seguinte, faz de novo...
    O que eu faço???

    Obrigada,
    Izabela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os cães filhotes não entendem uma bronca como algo ruim, e sim como atenção. Ou seja, se vc brigar com ele não vai adiantar, pois ele fará e novo e de novo.... A melhor solução é acostumá-lo a fazer xixi em jornais, em um certo cercadinho. Com o tempo, vc vai diminuindo a quantidade de papeis, até que chegará o momento de apenas uma folha de jornal e vc perceberá que ele fará apenas no papel. Caso ele faça fora, não brigue! Apenas limpe e ignore, é a melhor forma de educá-los. Espero ter ajudado!!!!

      Excluir
  8. o meu vem em alguns dias, mal posso esperar esse post ai só me deixou com mais vontade de tê-lo :D

    ResponderExcluir
  9. @An�nimo


    legal! parabéns!! espero que seja muito feliz com o novo membro da familia.

    Obrigado pelo comentário

    Fábio

    ResponderExcluir
  10. @An�nimo

    Olá Izabela,

    Realmente este é um incomodo, xixi pela casa não é nada agradável... Todo o treinamento requer paciência e dedicação. Tente repreendê-lo no momento do xixi, não adianta chamar a atenção depois do "copo de leite derramado" ele nem saberá o porque de estar sendo xingado! comece desta forma, coloque o jornal no local onde deseja e chame a atenção dele quando estiver fazendo no lugar errado. pode ajudar. Tem outras formas, maneiras e produtos especializados para seu caso.
    Obrigado pelo comentário
    Fábio

    ResponderExcluir
  11. Temos um lindo Pug que nos dá muita alegria, e ele é exatamente assim, como vcs. descreveram.
    É muito inteligente e carinhoso. É um lindo autoritário e é o chefe da "matilha" aqui de casa. Faz xixi onde bem entende.Sabe que está fazendo coisa errada, mas é muito mimado, e raramente leva bronca.Anda sempre à nossa frente.É o nosso Reizinho, o nosso bebê, que não gosta muito de ração.É muitíssimo dócil e compreensivo, principalmente qdo. sabe que ficará sozinho.

    ResponderExcluir
  12. Ah!, o nome desse Reizinho acima é Theodoro!!
    Queriiiido!!!!

    ResponderExcluir
  13. Fábio, boa tarde!
    Por favor preciso de uma informação... tenho uma pug de 7 meses, e ela é terrível... fica querendo pular na gente, mordendo, arranhando, td na brincadeira... é normal? o que posso fazer para acalma-la?
    Até qndo ficará assim?

    Grata

    ResponderExcluir
  14. Boa noite! Tenho uma pug de 1ano e 03 meses, esperta, fofa tudo de bom, mas eu tenho uma dúvida, ela solta muito pelo ( muito mesmo chega ser um exagero) é normal? faz parte da raça? Tem alguma coisa que eu posso fazer para melhorar isso? É a única coisa ruim da raça, o resto é tudo maravilhoso!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  15. @An�nimo

    Boa tarde,

    Pular, correr, arranhar, roer são caracteristicas normais de um filhote com muita energia para gastar, você precisa esgotar toda esta energia dando-lhe muitos brinquedos para ele se destrair, desta maneira ele não irá atacar seu móveis. Tente organizar seu tempo e leve-o para passear, caminhadas de 15 min são suficientes para esgotar esta energia "negativa" e o deixará mais tranquilo durante o dia.
    abraço

    ResponderExcluir
  16. @An�nimo

    Boa tarde,

    Pular, correr, arranhar, roer são caracteristicas normais de um filhote com muita energia para gastar, você precisa esgotar toda esta energia dando-lhe muitos brinquedos para ele se destrair, desta maneira ele não irá atacar seu móveis. Tente organizar seu tempo e leve-o para passear, caminhadas de 15 min são suficientes para esgotar esta energia "negativa" e o deixará mais tranquilo durante o dia.
    abraço

    ResponderExcluir
  17. @An�nimo

    Boa tarde,

    Pular, correr, arranhar, roer são caracteristicas normais de um filhote com muita energia para gastar, você precisa esgotar toda esta energia dando-lhe muitos brinquedos para ele se destrair, desta maneira ele não irá atacar seu móveis. Tente organizar seu tempo e leve-o para passear, caminhadas de 15 min são suficientes para esgotar esta energia "negativa" e o deixará mais tranquilo durante o dia.
    abraço

    ResponderExcluir
  18. @An�nimo

    Boa noite!

    Queda de pêlos, que dor de cabeça, né? é tão normal que escrevi um tópic falando somente deste assunto, entre depois para ler com mais calma, mas respondendo rapidamente sua pergunta: É normal, Pug perde muito pelo, e durante o ano todo, uma caracteristica negativa da raça. Para minimizar é importante a escovação do pelo, minimo 3 X na semana para retirar pelos mortos, uma boa alimentação e banho no máximo 2X ao mes. Não irá eliminar, mas ajudará. Agora, Se houver falhas no pelo( Partes grandes sem pelo) é necessário consultar um veterinário, pode se tratar de uma doença de pele.

    Abraço

    ResponderExcluir
  19. Olá! Tenho uma Pug preta o nome é Mafalda,é a coisinha mais linda. Amo muito!!

    ResponderExcluir
  20. Moro sozinho em um apartamento e há tempos penso adquirir a raça, porém, como trabalho o dia todo regressando somente a noite, temo que a solidão por esse período possa fazer mal para o cão. Teria algum problema?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Se for para ficar muito tempo sozinho tem problema sim. O PUG é uma raça muito dependente do dono, carente que requer muita atenção. Um cão de cia que precisa de cia. Sinceramente, melhor não ter... ele sofreria muito.

      Excluir
  21. Tenho uma pug o nome dela é Yoko ela é muito fofa, amada ela tem dois meses e já esta fazendo suas necessidades no tapetinho, ela super meiga e carinhosa, e nos tras muita alegria.

    ResponderExcluir
  22. eu e meu noivo temos uma pug o nome delaa ée cacau
    ele ée muito eletricaa cheeia de energia e adora morder e brincaar , naão nos deixar dormir a tarde no tapete , pois pulaa o dia inteiro em cima de nos , mas nos amamos demaais ela e queremos muito seeu beem

    ResponderExcluir
  23. Tirando a perda excessiva de pelos é um animal adorável. O meu tem 1 anos e 6 meses e é o amor da minha vida. Educamos desde cedo e não tenho problemas com ele. Faz suas necessidades no local certo, sabe dar a pata, deitar e sentar.É muito observador, simpástico e muito amoroso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como você a educou para fazer as necessidades no lugar certo? Tenho uma de 2 meses e a unica coisa ruim é ter que ficar limpando o apartamento a cada 3 horas.

      Excluir
    2. Bom dia!!!!Fazer necessidades no local correto é facil de treinar quando o Pug é Bebe. Os meus, quando nascem, até completarem 45 dias, os mantenho em um cercadinho forrado com jornal, fazem todas as nescessidades em cima do jornal, troco o papel a todo o momento, pois é o local onde dormem também. Desta forma eles acostumam com o cheiro do jornal e assimilam que as necessidades devem ser feitas sob o jornal. Depois fica mais facil, Tiramos o cercadinho e mantemos o jornal em um local escolhido por nós para eles fazerem as necessidades, eles irão respeitar. Mais alguns meses tiramos o jornal, o local irá ficar marcado e eles farão suas necessidades sempre naquele local. Muita paciencia e dedicação,mesmo. Os Pugs são espertos, quando menos esperar estão surpreendendo os seus donos!


      Abraço, obrigado pelo comentário!!

      Fábio Lumertz

      Excluir
  24. Sou e estou cada dia mais apaixonada pela raça.
    Ainda não tenho, mas estou a procura de um filhote macho.
    Não vejo a hora de encontrar e comprar o meu logo! rsrs...

    O blog é ótimo, já está nos meus favoritos, pois vou realmente precisar de bastante informação qnd tiver o meu!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal mesmo, espero que encontre o seu Pug logo, ótima companhia, obrigado por acompanhar o meu blog!

      Abraço

      Fábio

      Excluir
  25. Tenho uma pug de 1 ano e 9 meses! Eh minha paixao e minha sombra! Inteligente demaaais! Mas eh terrivel! Raspa todas as portas de casa, destroi td o que cai no chao, morde nossos pes se estamos de meia. Ou seja, manda na casa. Teve treinador por 3 meses que passeava com ela por quase 2 h tds os dias. E ela chegava em casa e tinha energia para correr, pular, morder. Eh normal? Rs eterna filhote? Posso ter esperanca de que um dia sera mais calma?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehe!! é normal muita energia em filhotes, com o passar do tempo ela ficará mais tranquila, mas mantenha as caminhadas para diminuir o stress e melhorar a qualidade de vida do seu cão.

      Abraço,

      Fábio Lumertz

      Excluir
  26. Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  27. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  28. Sou apaixonada pela raça e agora tenho um pug de 2 meses e meio, quando o levo à rua ele nao brinca muito e é paradinho, mas em casa não pára um segundo e destroi tudo o que pode. O comportamento dele com desconhecidos é adoravel, muito simpático e brincalhao.. super sociavel. Mas comigo é o oposto, morde-me a toda a hora arranha e consegue ser muito mal comportado. Não sei o que lhe hei-de fazer, e não percebo pq se porta assim só comigo

    ResponderExcluir
  29. Cara muito bom seu blog,parabens fabio me ajudou muito a conhecer mais meu PUG,tenho um de 2 meses e meio e realmente é isso tudo que voce disse,o nome dele é NINO ,Grande abraço.

    ResponderExcluir
  30. Tenho uma pug, de 1 ano e 3 meses. Ela é muito inteligente, muito companheira. Nos surpreende todo santo dia. Sabe fazer xixi e cocô no lugar certo, senta, dá a patinha, dá hi5, dá voltinha em pé, fica de pé... Chama a gente pra limpar o cocô qndo faz o cocô. É um absurdo a comunicação que ela tem conosco... Ela praticamente "fala" com suas atitudes...
    Ela é muito obediente, muito educada com as visitas e muito boazinha...
    Nunca precisei dar um tapinha nela, sempre ensinei as coisas com muito amor e paciência olhando sempre no fundo dos olhinhos dela e dizendo não quando fazia uma besteira.
    Ela tem vergonha de desobedecer e é uma fofura!
    Aprendeu a fazer carinho no rosto da gente com a pata, e dá beijinho!
    Pugs são inacreditáveis!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Helen! Realmente, são tudo isso mesmo!!
      Parabens pelo carinho e dedicação. Aposto que irá se surpreender muito mais com ela!
      Obrigado
      Fábio

      Excluir
  31. Cada vez que leio sobre eles, fico mais apaixonada. Estou querendo um caozinho e procurando estudar um pouquinho de cada raça, e o Pug definitivamente, ganhou meu coraçao.

    ResponderExcluir
  32. realmente estao falando da CHANTAL ela e tudo isso ,so que nao falaram e eu tenho uma duvida eles caem muito pelos ,pq aminha tem 6 meses anda em dias com as vacinas esta sempre visitando a veterinaria ,mas o pelo cai,apos o banho eu escovo logico eu dou o banho ne, uma vz por semana.adorei os comentarios ,mas por favor diga e normal os pelos cair.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A minha solta muito pelo. Tem racoes que aumenta, outras melhora mais.
      No principio tinha muitos problemas de pele, nos olhos, mas gracas a deus resolvemos tudo isso no veterinario com pomada, cremes etc.
      Ela vive em apartamento. Nao se suja muito. Adora uma arte, destruiu muitos lapis e canetas, e ensinei a fazer as neçessidades no cantinho certo e premio com um bifinho. Hoje ela me chama para ir com ela qdo quer fazer xixi ou coco, pois sabe que ganha um premio pelo bom comportamento. E uma graca, so falta falar. Entende quando a gente fala firme com ela.
      Nao e uma raca de Muito rigor, por ser muito docil, parece mais um
      brinquedinho vivo. Gosta de estar colado com o dono. E apaixonante ter um pug recomendo a melhor raca para apartamentos, pois nao incomoda vizinhos, e nao late muito.


      Excluir
  33. Oláaa...eu tenho um pug, ela tem 1 ano e 3 meses, o nome dela é Theodora. Ela é extremamente carinhosa, mas é extremamente arteira...Ela ja comeu meu sofá, meu rack e a ultima dela foi comer nossa cama box que acabamos de comprar..rsss. Infelizmente não brigo com ela, pq quando vejo ela ja fez e sei que não adianta brigar depois de feito, pq ela nem saberá pq apanha. Mas como todos, ela faz as necessidades no jornal, e solta muuuiiiito pelo, tenho que varrer a casa todos os dias. Ahhh e ela adquiriu uma mania, de comer somente quando estou perto. Ela fica durante o dia todo sozinha, só come a noite. Enfim...ela é a coisa mais linda da minha vida!!!rs

    ResponderExcluir
  34. Eu sempre tive vontade de criar um cachorro dessa raça. Sou apaixonada por eles e acho a coisa mais fofa do universo. Meu marido me deu de presente uma cachorrinha que colocamos o nome de Vida. Ela tem até um blog http://minhapugvida.blogspot.com.br/

    Eu estou tentando ensinar ela a fazer suas necessidades no quintal mais quando a porta está fechada ela sempre me surpreende fazendo dentro de casa e em qualquer canto. Acho que porque ela ainda é novinha né? Não tem nem 2 meses. Já comprei brinquedinhos pra ela mais mesmo assim ela AMA morder tudo que ver pela frente dela. Tênis, portas, ajuleijos... é um perigo e por isso sempre estamos de olho nela ;P

    Fora isso é um doce de cachorra, bem carinhosa e alegre.

    ResponderExcluir
  35. E uma paixao. A nossa dorme em nossa cama. Infelizmente ou felizmente nos acostumamos. E hoje sentimos sua falta. Adora dormir agarrada nos pes do meu marido. Passa a noite ora nos pes dele, ora nos meus pes. E adora um colo.
    Ja tem 5 anos, sei que quando virar uma estrelinha vamos sofrer muito

    ResponderExcluir
  36. Nossa familia escolheu uma pug como pet e foi a melhor coisa que fizemos, melissa se tornou um membro da casa e recebe todo nosso amor e nos retribui, certa vez estava deitada no sofa e ela carinhosamente subiu por cima de mim e colocou seu osso em minha boca. Demaiiiisss!

    ResponderExcluir
  37. Gostaria de saber em quanto tempo o pug troca o pelo. obrigada.

    ResponderExcluir
  38. Ola, tenho um pug o Thor hoje com 1 ano e 07 meses, no inicio foi terrivel ensina-lo a fazer as necessidades no lugar certo, coloquei jornal, ele comia o jornal e fazia as necessidades pela casa, comprei aquelas fraldas em forma de tapetes pois ele comi o algodão e saia com a fralda na boca pela casa, até que comecei a observar o que ele fazia quando estava com vontade de fazer suas necessidades ai colocava ele no banheiro e fechava a porta do box e ficava esperando ele e falando que ele iria sair assim que fizesse, quando ele fez bati palmas e dei um biscoitinho para ele e fui fazendo isso, até que ele aprendeu...hoje ele só faz no banheiro, claro que sempre deixamos a porta aberta e ele vai direitinho para o banheiro...E olha que já passamos um bucado com ele, com 07 meses ele teve ulcera e teve que fazer 03 transfusões de sangue, mas hoje esta muito bem e muito terrível é nosso filhote de 04 patas...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luciana, seu cão é castrado? Adquiri um pug de 60 dias há mais ou menos uma semana. Ele já está aprendendo a fazer as necessidades no jornal, muito esperto. Porém, todos me dizem que é melhor castrar antes que ele levante a patinha ao urinar. Queria saber se o seu pug é castrado ou se urina sentadinho mesmo sem ser castrado. Obrigada!!!

      Excluir
  39. Olá
    Você escreveu que os pugs dão pulinhos quando querem um carinho. Meu pug tem 5 meses e dá pulinhos quando quer comer. Você já viu isso? É normal?
    Outra perguntinha, você acha que el se adaptaria com outro pug um pouco menor do que ele?

    ResponderExcluir
  40. Gente o meu é a coisa mais linda e fofa, o theo esta com 1 ano e 4 meses, super inteligente e amoroso.
    Mas ele anda super agitado,muito mesmo estamos achando estranho,late muito,acho que conheçou quando ficamos por um mes na casa da minha mae.
    Ele pegou carrapatos do cao de minha mae,ficou cheio e eu me apavorei tirava,colocava remedios,banhos e achi q ele traumatizou.
    Nos mudamos faz 3meses e ele melhorou,mas sempre que falamos mais alto,damos risadas ele começa a cheirar o chao e latir muitoo.
    Alguem sabe me explicar o pq d tanto latido?
    deiseeg@hotmail.com
    Obrigadooo e eu super indico esta raça,ele é tudo pra nós nosso bebe,tirando os latidos é um cao tranquilo.

    ResponderExcluir
  41. O meu tem quase 7 meses, esta comendo a casa toda. Acabou com o rodapé de madeira, comeu o sofa inteiro, e agora esta comendo o boxa da cama. O prejuizo ja saiu mais caro que o cachorro. Eu o amo e minha esperança é que após 1 ano de vida ele mude. Tirando essa coisa de roer ele é mais que perfeito. Se alguem quiser trocar informações sidnei.nascimento@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o meu fazia isto mas melhorou com o tempo,agora ta latindo e muitooo!

      Excluir
    2. A minha pug vai fazer 3 meses, rói a pia da cozinha, o pega mão da ultima gaveta que ela alcança, bem dizer todos os armários da cozinha ela rói a pontinha. A moldura do espelho, a ponta do sofá, os brinquedos, os ossinhos, os sapatos, tudo. Nada ela deixa de roer, rasga meus tapetes do banheiro, mas não brigo, apenas digo NÃO!! e ela obedece, só que tempos depois ela pula para outra coisa. Muito ativa, muito querida, quando passeia é um mimo, simpatica até d+. Carinhosa, mas bêbezona, chora madrugada para ir pra minha cama. Deixo pegar no sono e volta pra caminha dela que é uma banheira, pois a dela ela destruiu. rsrs Amo d+, e também aguardo 1 aninho para ficar menos ativa... rsrs

      Excluir
  42. Tenho um pug tem 9 meses, e é muito ativo, não é nada daquilo que costumam descrever sobre a raça.... em casa roi os brinquedos da minha filha os dele não mostra intresse, corre pela casa quando vamos retirar o brinquedo da boca! quer sempre muita atenção sempre muito agitado desde bebe, pareçe hiperativo e tudo! Na rua quer sempre ir á frente, Não somos nós que o levamos a passear é ele que nos leva a nós.... tento educa lo mas quer ser sempre ele a controlar! Sim o pelo cai bastante todo o ano, por vezes nem o posso pegar ao colo porque fico com a roupa repleta de pelos! Mas são muito inteligentes o meu dá a patinha, senta se e dá mais 5 com a patinha dele! Pode ser que mude essa agitação toda com a idade....

    ResponderExcluir
  43. Estou louca por um. e vendo este blog ficquei muito mais atentada !!!!

    ResponderExcluir
  44. Estou em vias de aquisição de um cão macho PUG de dois meses...li todos os comentários..Confesso que fiquei um tanto quanto apreensiva qdo se trata de roer a casa toda!!! parece generalizado...ou é desvio comportamental?..Fábio podes me auxiliar? Grata!!

    ResponderExcluir
  45. Adquiri um pug de 60 dias há mais ou menos uma semana. Ele já está aprendendo a fazer as necessidades no jornal, muito esperto. Porém, todos me dizem que é melhor castrar antes que ele levante a patinha ao urinar. Queria saber se invariavelmente todos os machos levantam a patinha ao urinar ou se é possível que ele urine sentadinho mesmo sem ser castrado? Obrigada!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Tássia!

      Quando filhotes os machos fazem suas necessidades agachados, como as fêmeas. Somente na fase adulta que levantam a pata para urinar, mesmo depois de castrados.

      obrigado pela pergunta, se precisar estamos a disposição.
      Fábio

      Excluir
  46. O meu e bem pentelho o nome é duke, e bem manhoso, faz poko tempo que to com ele em tao ainda esta na faze da manha por causa de sua mãe e seus irmãos que não estão mais com ele. mais ele e bem esperto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Maikon,

      Essa fase de adaptação é dificil para o filhote, muita atenção e carinho, cercada de muitos brinquedos e eu tenho certeza que ele ficará bem. Parabens pelo seu Duke!

      Excluir
  47. Oi
    Estou com dificuldades com a minha pug na hora de dormir.
    Nunca tive um cão dentro de casa antes, apenas na rua, e por ser uma experiência nova, de eu estar acostumada com ela pela casa e atrás de mim o tempo todo hehe, gostaria que ela se acostumasse a dormir sozinha para que eu tenha privacidade na hora de dormir. O problema é que na hora de dormir, quando ela fica separada de mim, ela começa a latir e a arranhar as portas. Fico irritada e triste ao mesmo tempo, mas quero que ela aprenda que na hora de dormir ela tem que ficar tranquila na cama dela.
    Ela tem três anos de idade e estou com ela a seis dias, ganhei ela porque a antiga dona não tinha tempo para ficar com ela, o que a deixou obesa e triste. Quanto a isso já tomei as providências, levei ela ao veterinário e pesquisei também. Mas quanto ao sono isso que expliquei acima está realmente me incomodando. Tenho medo de deixar ela dormir comigo no quarto e ela fazer xixi na minha cama, lamber a minha cara enquanto durmo ou pior ainda, latir sem parar quando eu estiver no quarto com o namorado.
    Me ajudem, por favor!!! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luana,

      Seu cão lhe segue o tempo todo? Cumprimenta exageradamente assim que você retorna para casa? Não consegue ficar sozinho sem que fique desesperado? Ele me ama muito! Pensa alguns “felizes” tutores. Será? Esse tipo de comportamento, aliado a outros sintomas, caracteriza um transtorno comportamental denominado Ansiedade de Separação. Que é outro entre tantos transtornos de comportamento canino que tem surgido devido ao tratamento humanizado perante os cães.
      É um comportamento de ansiedade excessiva que os cães experimentam quando separados da pessoa, ou pessoas, a quem são apegados. E esse mal estar pode gerar sérios problemas ligados ao comportamento do cão e até mesmo a sua saúde física, já que o animal vive intensos episódios de estresse.
      Entre os sintomas da ansiedade de separação, que acontecem na ausência do tutor, estão incluídos: vocalização excessiva (uivos, choros ou latidos em excesso), comportamento destrutivo (roer ou arranhar objetos pessoais da figura de vínculo ou as possíveis rotas de acesso a essa figura), micção e defecação em locais inapropriados e freqüentemente em locais ou objetos que sejam referência à figura de vínculo. Pode estar incluídos também, a perda de apetite, salivação em excesso e comportamentos compulsivos diversos. Partidas relacionadas a se “despedir do cão” também são fatores contribuintes, já que se cria um momento de vínculo com o animal e logo após o tutor sai o deixando para trás. Portanto ignorar o cão momentos antes das partidas deve ser regra dentro de uma rotina de prevenção.

      Preparar o ambiente para o animal se distrair durante a ausência das pessoas é uma ótima maneira de distraí-lo nos momentos de solidão. Existem hoje no mercado variados tipos de brinquedos que liberam petiscos de forma gradual, conforme a interação do cão, e, ainda há alimentos de longa duração que os entretêm.
      Exercícios físicos como uma boa caminhada ao ar livre, diariamente, é obrigação para todos os cães, já que os exercícios físicos liberam hormônios ligados ao bem estar, assim os deixando mais relaxados e felizes.
      O que não fazer


      Punições não são eficazes para o tratamento de ansiedade de separação e pode piorar a situação. A destruição, vocalizações excessivas, e a sujeira da casa, que muitas vezes ocorre com a ansiedade de separação, não é a vingança do seu cão para ficar sozinho e sim parte de uma resposta de pânico.


      Adquirir um outro cão como companheiro não costuma ajudar um animal ansioso, porque a ansiedade é o resultado da separação do tutor, e não apenas o resultado de estar se sentindo sozinho.


      Adestramento de Obediência não é indicado, já que ansiedade de separação não é o resultado de desobediência ou falta de treinamento e, portanto, não vai ajudar nesta questão em particular.


      Tratamento


      Um diagnóstico primeiramente tem que ser fechado por um veterinário especializado em comportamento canino, para que se prescreva um tratamento adequado. Nos casos mais severos é necessário a intervenção farmacológica como forma de auxílio, e não de cura. Muitas vezes o sucesso do tratamento é duvidoso devido a não colaboração dos tutores, já que faz parte do programa, a diminuição do vínculo relacionado às pessoas e o cão, e muitos não aceitam isso. Outro problema é a disciplina devido ao longo período do tratamento, que requer muita paciência e colaboração de todos envolvidos. Sempre bom lembrar que um cão ansioso é um cão estressado, e o estresse deixa a imunidade baixa levando o animal a ficar suscetível a doenças diversas.


      Excluir
  48. Tenho uma Pug de 6 meses, realmente ela é muito ativa, mas muito fofa. O único problemão da raça é que solta pelo demais!!!!

    ResponderExcluir
  49. Me chamo Tamara, e acabei de buscar o novo integrante da família: Arthur (2 meses). Porém ele vinha fazendo suas necessidades em cima do jornal, de dois dias para cá, ele começou a fazer na sala e na cozinha. Eu passo kiboa e alcool no chão. Eu troquei os jornais que tinham o cheiro de xixi, e coloquei novos. O que será que estou fazendo de errado. Fora isso.....é um amor incondicional ......nunca tinham visto isso.

    ResponderExcluir
  50. Ola Fabio eu vou ganhar um PUG dos meus pais só que ele nem nasceu ainda rsrsr ela vai nascer no dia 15 de dezembro e só vai poder ser entregue com 45 de vida que sera em fevereiro de 2014 eu ñ vejo dele chega e cada vez mais eu vou procurando sobre a raça mais quando mais eu procuro mais eu me apaixono pele raça e ñ vejo a hora dele chegar vc pode me dar uma dicas pra mim oque devo comprar pra ele e que tipo de ração.
    A e parabéns pelo blog

    grata

    obrigado

    acradeço se responde-se

    ResponderExcluir
  51. Ola comprei um pug, estou so aguardando a chegada dele, não vejo a hora! Amei o blog, mais tenho uma dúvida, pois trabalho dia sim e dia não, e li que os pugs não gostam de ficar sozinhos, como que mecanismos eu adoto neste dia que eu trabalhar para ele ficar em casa sozinho até eu chegar?
    Obrigada, Daiane

    ResponderExcluir
  52. Eu tenho e no segundo dia ja ensinei ele a fazer as necessidades no lugar certo, com o tapete higienico é uma benção rs
    Como eu sempre levo ele pra la e pra cá assim não passo vergonha em lugar nenhum.
    Ensinei ele a dormir na cama dele, primeiro dia um chorinho mais no segundo ja estava todo feliz na caminha dele.
    Usei a tecnica do relogio de corda com uma camiseta minha e deu certo, ele acha que tem alguem la.
    beijos!!! Obrigada

    ResponderExcluir
  53. oi meu nome é júlio!eu e minha esposa compramos um pug femea o nome dela é mel.el tem um pouco mais de 3 meses.e gostaria muito de saber como faço para ensinar ela a fazer suas necessidades num cantinho com tapete e jornal que fizemos para ela mas não é facil.o que devo fazer

    ResponderExcluir
  54. Boa tarde Fabio, tenho um PUG de 3 meses e ele é quase tudo o que descreveu acima, o único problema é que ele só quer morder!! Quando faço um carinho nele, ele já parte pra cima querendo morder minha mão, o dedo do pé, a perna, etc... morder tudo, rsrsrs. Comprei diversos brinquedos e ossos de todos os tamanhos pra ver se ele para com isso, mas nada adianta. Levei no veterinário e a doutora disse que isso é normal! Dai pensei "mas eles não cães carinhosos e adoram um carinho, cafuné? Acho que comprei um Pug falsificado. rsrsrs" Enfim, o que vc acha que está acontecendo, lembrando que ainda não passeio com ele pq ainda não tomou a terceira vacina. Ah o nome do "terrorista" é Alfredo! Grande abraço, Eduardo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola tenho um pug ele veio para casa com 40 dias daqui a pouco ja vai fazer fazer um ano e quando alguem toca a campainha ele nao para de latir. nao sei se é por que a outra cachorrinha q tem aqi nao para de latir quando alguem toca a campainha
      Ass: Leticia-11 anos

      Excluir
    2. ola o meu tambem era assim mas quando cresceu nao mordeu mais ! o filhotes eles querem morder por dois motivos o primeiro é que querem brincar o segundo eles fazem isso pra coçar gengiva com os dentes que estão nascendo. Depois que cresce nao fazem mais isso !

      Excluir
  55. A Primeira parte e super verdade tenho 11 anos e sou dona de um pug com 1 ano ele venho para minha casa com 40 dias de vida ele me segue pra qualquer lugar ate mesmo quando vou no banheiro ele quer entrar!!!

    ResponderExcluir
  56. O meu aprendeu a fazer as necessidades no eco pátio mas depois que aprendeu a levantar a perninha erra o alvo o meu destrói quase tudo é muito esperto se não tem água pede se não tem comida pede é muito especial ele me obedece mas as vezes é teimoso mas amo ele.

    ResponderExcluir
  57. Tenho uma Pug, ela esta com 65 dias aproximado e se chama Zoe, estamos tentando educar ela poiem sua necessidades pois moro em apartamento, ela e muito ativa, morde uito as mãos e pés porem percbo que já esta deminuindo, acredito porque e filhote, ela já é um companheira, agora tenho que levar ela para todos os lugres para não deixar ela sozinha...
    Ah ela solta muitos gazes e ronca muito, é muito engraçada.

    Abraços,
    Anderson P.

    ResponderExcluir
  58. Ola..tenho uma pug de 2 meses, estamos com ela a uma semana, nos primeiros dois dias era muito agitada, corria e brincava pela casa, agora só quer dormir ou fica nas pernas querendo colo.. nao sei o q fazer, é normal?

    ResponderExcluir
  59. Olá, tenho um pug macho de 5 meses, o Bóris, ele é um amor, gostaria de saber qual é a altura pra raça com 5 meses, pois acho ele muito pequeno, até a vet falou q ele não iria ficar muito grande. Obg

    ResponderExcluir
  60. Olá..
    Tenho um pug de 3 meses,o nome dele é Marley, ele está comigo a um mês.. coloco jornal em três partes da casa, na sala perto dos potes de comida e água, na sacada que é aonde ele mais faz xixi e coco) , e no quarto do meu filho que é aonde ele dorme.. as vezes ele se passa e acaba fazendo pela casa toda, mas isso acontece so quando não estamos em casa, a minha pergunta é a seguinte: Gostaria de saber se estou fazendo certo, colocando jornal em tantas partes da casa, já que quero que ele faça somente na sacada.
    Desde já agradeço a atenção

    ResponderExcluir