O GUIA DO FILHOTE – PARTE IV - Bom comportamento – 10 Conselhos essenciais

Olá galera!
Para finalizar não poderia deixar de postar. Sei que muitas pessoas neste Natal receberam em suas vidas um lindo filhote de Pug. Acredito também que queremos sempre o melhor para o nosso cão, seja ele filhote ou adulto. E para que seja possível seu filhote precisa aprender bons hábitos assim que chega em sua casa. Em algumas de minhas leituras tive a felicidade de encontrar um artigo com 10 dicas essências para que seu filhote seja integrado na sua vida com naturalidade, respeito e amor. Siga essas 10 dicas essenciais para uma vida harmoniosa com o seu filhote, agora e, futuramente!






1. Desde o nascimento, habitue seu filhote aos hábitos de higiene, banhos, passeios de carro... todas as atividades que seriam difíceis de serem introduzidas na idade adulta.

2. Chame o seu filhote pelo nome, de maneira clara e sem gritar, quando lhe dá uma ordem e ele cumprir lhe dê uma recompensa, desta forme ele lhe obedecerá.


3. Fazer marcas ou colocar microchip pode ser obrigatório em alguns países e pode ser feito por seu veterinário.


4. Ensine-o a usar coleira e andar com a guia a partir dos 3 meses de idade, com sessões curtas de treinamento em casa. Se o filhote sai da guia, dê leves puxadas para lembrá-lo. Nunca faça punições com a guia, pois ele pode relacionar isso com o prazer da caminhada.


5. Desde o princípio, habitue o se cão a permanecer sozinho, começando com alguns minutos todos os dias, até que se acostume com a ausência do seu dono. Os cães não possuem a nossa referência de tempo.


6. Para evitar um estresse desnecessário, dê ao filhote o mesmo alimento que o criador dava, ou faça a mudança após uma semana, aos poucos, misturando o alimento novo ao antigo.

7. Nunca o deixe trancado no carro, particularmente no verão, pois o risco de superaquecimento pode ser fatal.


8. Enquanto seu filhote ainda é jovem, evite longas caminhadas e exercícios pesados, particularmente pular, porque seu esqueleto ainda é frágil e seus músculos ainda não estão totalmente desenvolvidos. Várias saídas de 10 minutos são ideais no princípio.


9. Seja consistente em relação ao que é proibido: Seu cão não entenderá por que alguma coisa é proibida em um dia e permitida no outro. Certifique-se que todos na família seguem a mesma linha.


10. Insira o filhote na vida da família o melhor possível; leve-o ao parque para que possa descobrir o mundo e se socializar, mas respeite os outros ao mesmo tempo (mantenha a guia em lugares públicos e limpe seus dejetos).


Espero que curtam essa última postagem de 2011.

Desejamos a todos boas festas e que 2012 seja um ano de muitas realizações.


Grande abraço,

Fábio Lumertz